Anúncios

ALERTA SOBRE FALTA DE EFETIVO SENSIBILIZA POLICIAIS CIVIS

by
Policiais civis reivindicam mais efetivo para a Polícia Civil de Tatuí. 2027

Deputado Gonzaga recebe policiais civis de Tatuí.

Na sexta-feira (1º), o secretário José Roberto Xavier da Silva, da pasta da Segurança Pública Municipal, acompanhado do investigador Moisés Machado Antunes e dos escrivães Igor Barros, Mauro Antonio Ribeiro e Jéssica Flaviana Soares da Silva, foram ao escritório político do deputado Luiz Gonzaga Vieira de Camargo para reivindicar maior efetivo para a Polícia Civil de Tatuí, que está completamente desfalcada na área de recursos humanos. Na última edição, o Jornal Integração publicou matéria sobre a situação e o delegado José Luiz Silveira Teixeira, em tom de apelo e desabafo, disse que “se não fosse a existência da Guarda Civil Municipal, nem a Polícia Militar e nem a Polícia Civil teriam condições de manter um satisfatório sistema de segurança em Tatuí”.

O titular do município de Tatuí e chefe do investigador e escrivães que compareceram no escritório do deputado Gonzaga falam a mesma língua. Na reunião do Conselho de Segurança de Tatuí (Conseg), o delegado José Luiz disse que o momento é tão grave que teve que pedir para um escrivão, que pretende sair de Tatuí, se manter em seu cargo até que a situação melhore. “Faltam investigadores, escrivães, delegados e não tem nem delegada para as vítimas na Delegacia da Defesa de Mulher, como sempre existiu”, publicou este semanário na última edição.

De acordo com estatística divulgada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado de São Paulo, a criminalidade não evoluiu em Tatuí. Em 2017, ocorreram sete homicídios, e em 2018, oito pessoas foram mortas. Os casos de furtos aumentaram de 957 (2017) para 964 (2018). Os roubos, quando as vítimas ficam subjugadas aos marginais, caíram de 220 (2017) para 162 (2018), Os furtos e roubos de veículos também reduziram, mas não de forma significativa. Ocorreram 198 em 2017 e 191 em 2018. Outro dado desta estatística é o número de veículos recuperados. Dos 191 levados por marginais, somente 22 foram recuperados. Nos últimos três meses de 2018, não foi encontrado nenhum, mostra o relatório da SSP.

Outra questão apontada pelo delegado José Luiz Silveira Teixeira é o número de inquéritos instaurados em Tatuí. A SSP mostra que em 2018 foram instaurados 904 inquéritos. Na reunião do Conseg, o delegado disse que o município conta com um grande número de inquéritos em relação a outros municípios melhor aparelhados. Em Itapetininga, sede da Delegacia Seccional de Polícia, foram instaurados 1.976 inquéritos em 2018. Para o delegado José Luiz Silveira Teixeira, já está na hora de Tatuí pleitear sua própria Delegacia Seccional de Polícia.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: