Anúncios

POPULAÇÃO PARTICIPA DA FEIRA DO DOCE DE TATUÍ

julho 21, 2017 by

festadodoce-16

Na sexta-feira (21), a partir das 10 horas, iniciou a quinta edição da Feira do Doce de Tatuí, realizada pela Prefeitura Municipal, com grande participação de público. A Feira do Doce é considerado o maior evento do segmento do interior paulista. A prefeita Maria José Vieira de Camargo, acompanhada do secretário Luiz Gonzaga Vieira de Camargo, esteve presente na Praça da Matriz.

Durante três dias, 21, 22 e 23 de julho, das 10 às 22 horas, são comercializados mais de 250 tipos de doces caseiros, divididos em alas temáticas, como doces finos e brigadeiros gourmet, doces tradicionais e artesanais, chocolates, bolos e tortas, doces de festa e sobremesas, churros, crepes e pastéis, produtos de milho e bebidas. Para as crianças haverá uma programação especial com duas oficinas. Os aprendizes podem confeccionar seus próprios cupcakes, realizada pela Anju Festas, e outra atividade é da Gostosuras & Diversão, com entretenimento da Educrescere.

Enquanto desenvolve a Feira do Doce, no coreto da Praça da Matriz acontece o Festival Capital da Música “Maestro Antônio Carlos Neves Campos”, uma homenagem ao músico que dirigiu durante 24 anos o Conservatório de Tatuí, projetando a escola como a maior da América Latina. Durante três dias a “Capital da Música” apresenta  MPB, jazz, clássico e rock. Nesta sexta-feira (21), abriu a programação a Banda da Guarda Civil Municipal, seguido de Evelise Almeida Trio, Grupo Br Bass de metai,  Trio à Brasileiro,  Grupo Seresteiros com Ternura, Banda VodkaJoe e o encerrramento com a Camerata Les Ensembles. Neste sábado (22), às 11h, apresenta-se o Bravo Combo, 12h30 o Quarteto Tatuí Sax,  14 horas Júlio Nassi, 15h30 Banda Rivoltrio,  18 horas Samba em Família e  20h30 a Banda Simphony. No domingo (22), último dia do evento, apresenta-se às 10h Flaviano Gomes,  12h30, Os Seresteiros de Tatuí,  14h Trio Choro Enturmado,  15h15  Banda Smart,  17h30 Readrisax e 20h30, encerramento com a Banda Fours Stages.

Feira do Doce – A 5ª Feira do Doce de Tatuí tem como objetivo fomentar o empreendedorismo dos produtores de doce, promover turisticamente o município como a “Terra dos Doces” e dar a oportunidade aos visitantes de encontrarem todas as variedades de doces da cidade em um único evento e movimentar o fluxo turístico e trazer mais divisas a Tatuí.

O evento ganhou visibilidade na sua primeira edição, sendo reconhecida nacionalmente pelo SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e incluída no Calendário Turístico do Estado de São Paulo por meio da Lei Estadual nº 15.844/2015. Nas edições anteriores do evento era utilizado o nome “Festa do Doce”,  Neste ano foi adotada a denominção “Feira do Doce” para enfatizar ainda mais o caráter empreendedor dos produtores de doce, sendo esse o principal foco.

 

 

 

Anúncios

Destaques da edição de 22-7-2017

julho 21, 2017 by

festadodoce-7

FESTA COM MAIS DE 250 TIPOS DE DOCES NA PRAÇA

PREFEITURA  ESTIMA QUE TAPOU TRÊS MIL BURACOS

MINORIAS CONTRA O IMPOSTO ÚNICO – MARCOS CINTRA

DESTAQUES

LULA E O INCÊNDIO ELEITORAL – GAUDÊNCIO TORQUATO

TROVAS – DR. LINCOLN

COLUNA GENTE (FOTOS E FATOS SOCIAIS)

NOVELAS

CANAL 1 – NOTAS DE TV POR FLÁVIO RICCO

CÂMARA APROVA PARCELAMENTO DE DÍVIDA COM O TATUIPREV

PREFEITURA ESTUDA PARCERIA COM O INSTITUTO AYRTON SENNA

MEIO AMBIENTE RECUPERA NASCENTE DO BAIRRO CONGONHAL

MARCHA PARA JESUS DOA ALIMENTOS PARA A SANTA CASA

DIOCESE IMPLANTA TRIBUNAL ECLESIÁSTICO

FALECIMENTOS

PALAVRAS CRUZADAS

GRUPO INAUGURA EMPREENDIMENTO NO ROSA GARCIA

TATUÍ E SUA HISTÓRIA (JORNAL DE TATHUY – 20-3-1932)

SAXOFONISTA NO COMITÊ LATINO AMERICANO

MUSEU DESENVOLVE PROJETO DE FÉRIAS

COLUNA DE ESPORTES

TATUIANO SE DESTACA NO BEISEBOL DOS EUA

COLUNA POLICIAL

CLASSIFICADOS

TATUÍ É CAMPEÃ NA CAPOEIRA E DAMAS NOS JOGOS REGIONAIS

INTEGRAÇÃO NAS EMPRESAS

MATÉRIAS OFICIAIS

(Editais de Prefeitura Municipal de Tatuí, Fórum da Comarca e editais de casamentos do Cartório de Registro Civil de Tatuí).

 

A REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA

julho 14, 2017 by

Revolu-ção Constitucionalista site

Em 1930, através de um golpe de estado, Getúlio Vargas depôs o presidente Washington Luís do poder e se proclamou presidente da República. Naquele ano,  Júlio Prestes, indicado por Washington Luís para concorrer como seu sucessor, obteve 91% dos votos válidos do eleitorado paulista. Um dos primeiros atos de Getulio foi nomear um interventor que não era de São Paulo para governar o estado. Esta desobediência à Constituição republicana de 1981 levou a população paulista a organizar um movimento armado e este culminou na Revolução Constitucionalista de 1932.

O início do conflito foi quando quatro jovens – Martins, Miragaia, Dráuzio e Camargo – foram mortos como mártires pela forças de Getulio Vargas. Este ato formou a sigla MMDC e culminou com a epopéia de 9 de julho de 1932, data simbólica do movimento. O bravo povo paulista empunhou armas em defesa da restauração da democracia no Brasil

A marcha (francesa) PARIS-BELFORT despertava no coração da gente paulista aquela chama interior que conclamava, com intensidade sempre crescente,  a lutar em prol do nosso País! Para os paulistas, NÃO havia honra maior do que servir ao Brasil, ainda que se expondo ao sacrifício supremo de morrer lutando por um dos mais nobres ideais! A juventude paulista foi solidária nesse sonho e nesse gesto! O reconhecimento de seu sacrifício está hoje gravado com letras de fogo que eternizam, para sempre, nas palavras de Guilherme de Almeida (embora também atribuídas ao jornalista de Espírito Santo do Pinhal, Antonio Benedicto Machado Florence), o alto significado do chamado à luta: “Viveram pouco para morrer bem/Morreram jovens para viver sempre”!

É preciso jamais esquecer o esforço e o sacrifício desassombrados dos paulistas em sua luta  pela redemocratização de nosso País! A sua memória deve ser honrada a cada momento, especialmente no dia 9 de julho, que assinala a eclosão do movimento revolucionário, “data magna do Estado de S. Paulo”, em que se comemora o Dia da Revolução Constitucionalista (Lei estadual n. 9.497/1997)!

Vale rememorar que o Brasão de Armas do Estado de S. Paulo, instituído em 1932 pelo Decreto estadual n. 5.656, editado pelo Governador Pedro de Toledo, abolido pela Ditadura Vargas e restabelecido com a queda do Estado Novo (Lei estadual n. 145/1948), POSSUI, como lema, a seguinte inscrição, epítome do espírito e  do profundo respeito do povo paulista pela nossa Pátria: “PRO BRASILIA, FIANT EXIMIA” (“Pelo Brasil, façam-se as melhores coisas” ou “Pelo Brasil, faça-se o melhor”) !

 

 

Destaques da edição de 15-7-2017

julho 14, 2017 by

CÂMARA APROVA r$ 4,6 MILHÕES PARA SAÚDE E EDUCAÇÃO

FINEP, BNDES E INOVAÇÃO – MARCOS CINTRA

SONETO – DR. LINCOLN

REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA

EXPOSIÇÃO NO CENTRO CULTURAL

SECRETARIA COMEMORA DIA MUNDIAL DO ROCK

NOITE DA SERESTA NO MUSEU

INTEGRAÇÃO NAS EMPRESAS

COLUNA GENTE (FOTOS E FATOS SOCIAIS)

NOVELAS

CANAL 1, NOTAS DE TV POR FLÁVIO RICCO

REUNIÃO OFICIALIZA MICRORREGIÃO TURÍSTICA

PROJETO INSTITUI DIREITOS DA PESSOA DEFICIENTE

EM ANDAMENTO PONTE NO JARDIM JUNQUEIRA

FALECIMENTOS

PREFEITURA RECEBE ÔNIBUS ESCOLAR

SESI PROMOVE CONCURSO DE CULINÁRIA

SEBRAE TREINA PEQUENOS EMPRESÁRIOS

ELEKTRO MUDA CONTA DE LUZ

TATUÍ E SUA HISTÓRIA (17-3-1932)

VARA DO TRABALHO PASSA POR CORREIÇÃO

SINFÔNICA DO CDMCC EM CAMPOS DO JORDÃO

PALAVRAS CRUZADAS

COLUNA DE ESPORTES

COLUNA POLICIAL

JUNINHO FERRAZI NO “MÚSICA NA PRAÇA”

CLASSIFICADOS

MATÉRIAS OFICIAIS

(Editais de Prefeitura de Tatuí, Fórum da Comarca e editais do Cartório de Registro Civil de Tatuí).

PREFEITA MARIA JOSÉ VIEIRA FALA SOBRE SUA ADMINISTRAÇÃO

julho 6, 2017 by

 

Maria José 1951

 

Na edição impressa deste fim de semana, a prefeita Maria José Vieira de Camargo (PSDB), em entrevista ao Jornal Integração, tece considerações  importantes dos seus seis meses de administração. Veja abaixo a entrevista:

Integração – Quais as mudanças realizadas para melhorar o atendimento no Pronto Socorro?

Maria José – Estamos melhorando os serviços prestados. Implantamos o Pediatra 24h e trocamos a equipe médica. Estamos pintando e sinalizando o prédio, adquirindo novos equipamentos e vamos ampliar o espaço físico do PS, ocupando um leito da Santa Casa que não está sendo aproveitado. Com essa medida vai aumentar  o espaço da Sala de Observação e separar homens e mulheres. Pedi também recentemente ao secretário da Saúde  atendimento mais humanizado no PS. Nos Postos de Saúde da Família aumentamos de 5 para 11 médicos. E está previsto para segundo semestre a realização de concurso para várias especialidades médicas.

Integração – A Santa Casa estava em situação caótica. Após a intervenção da Prefeitura qual foi a melhora no hospital?

Maria José – Os problemas são muitos na Santa Casa. Reabrimos a UTI, com funcionamento 100%. Estamos negociando as dívidas, mas estamos pagando em dia os funcionários e médicos. A novidade é que o pessoal do Abrace Tatuí vai trabalhar na readequação dos leitos da ala de internação, deixando os leitos mais confortáveis para os pacientes e seus acompanhantes.

Integração – Tatuí, como todas as cidades brasileiras, passa por um momento crítico de criminalidade. O que sua administração faz para conter os número de delitos, principalmente roubos e furtos?

Maria José – No sábado (1º ), entregamos  nove viaturas novas e dois micro onibus para o uso da Guarda Civil Municipal. Reativamos a Base Comunitária do Jardim Santa Rita de Cássia e vamos, neste segundo semestre, abrir uma Base Comunitária no Jardim Mantovani. Estamos cobrando do Governo do Estado o aumento do  efetivo policial. Já conseguimos deste o começo do ano duas novas guarnições, com duas viaturas e quatro soldados.

Integração – A falta de entrada em Tatuí é a principal reclamação da população. Qual a previsão para a conclusão das pontes?

Maria José – A ponte do Marapé está com suas obras adiantadas e dentro do cronograma da empresa. Deve ser concluída no final deste mês ou no início de agosto. A ponte do Jardim Junqueira também está dentro do cronograma. Devemos entregá-la entre agosto e setembro. E a ponte do Jardim Paulista a obra foi licitada e aguarda-se a liberação do recurso de R$ 600 mil do Governo Federal para autorizar o seu início da construção.

Integração – Um dos prinicipais problemas deixados pela administração anterior foram os buracos nas ruas e falta de conservação das vias pública. A população ainda reclama dos buracos. O que faz sua administração para solucionar este grave problema?

Maria José – Desde março deste ano, quando cessaram as chuvas,  estamos com várias equipes trabalhando. Já  foi investido mais de R$ 1,5 milhão em operação tapa-buracos, mas existem muitos ainda para serem tapados. Estamos executando esse serviço diariamente e não vamos parar até que todos os buracos estejam tapados. Temos que lembrar que ainda existe uma conta de quase R$ 2 milhões a ser paga com empresas de pavimentação. Esta dívida herdamos da gestão anterior.

Integração – Existem muitas ruas à escura na cidade. Esta é uma forma de combater a criminalidade. O que a Prefeitura tem feito para resolver?

Maria José – Tatuí tem hoje 12 mil lâmpadas nas ruas. Segundo relatório da Elektro,  são cerca de 380 reclamações existentes. Até o fim de julho, a empresa se comprometeu a zerar essas ocorrências e resolver os casos em aberto. Arrecadamos com a CIP (Contribuição de Iluminação Pública) cerca de R$ 120 mil por mês.  O  gasto com a iluminação pública é de cerca de R$ 340 mil mensais. O município é que cobre esse déficit. Hoje, o loteador tem que entregar o empreendimento com a devida infraestrutura, inclusive iluminação. Vamos estudar para o Orçamento de  2018, algum recurso para atender o que ficou para trás.

Integração – O emprego é a grande preocupação da população, principalmente em época de crise. O que faz sua administração para atrair investimentos e indústrias?

Maria José – Através da agência INVESTE SP, do Governo do Estado, estamos negociando com uma empresa multinacional, do ramo automotivo. Mas as tratativas devem ser mantidas em sigilo. De concreto, duas empresas da cidade anunciaram expansão de suas atividades em 2017.  A Santista Têxtil e a Marquespan  devem ampliar a oferta de trabalho em 200 novos empregos. Temos também dois grandes empreendimentos no setor de hotelaria,que devem ser inaugurados neste segundo semestre, o  Ibis e Hotel Del Fiol. Este setor  deve aumentar a oferta de empregos.

Integração – Escoamento agrícola é a grande preocupação para o agronegócio. Como estão as estradas rurais?

Maria José – Desde março deste ano, quando cessou a chuva, foram conservadas as estradas do Guaxingu, Souzas, Boa Vista, Queimador, Campinho, parte dos Mirandas, algumas ruas do Jardim Gramado e do Vale dos Lagos. Está em  andamento a estrada do bairro do Guaraná.

Integração – Consta que a administração anterior deixou dívidas para a atual administração. Como está sendo solucionada esta questão?

Maria José – A dívida da Prefeitura a curto prazo foi reduzida em 50% no primeiro semestre. Dos R$ 51 milhões em dívidas de curto prazo declaradas em janeiro, houve redução para R$ 25 milhões. Há também uma dívida herdada de R$ 9 milhões com o TATUIPREV, que foi parcelada. A dívida total é de cerca de R$ 70 milhões.

Integração – Moradores  dos bairros Jurumirim e Santa Adelaide reivindicam um acesso sem pagar pedágio. Com a vinda do governador Alckmin à Tatuí foi feita uma reivindicação ao Governo do Estado. Houve alguma solução?

Maria José – Recebemos em junho a visita de técnicos da Secretaria da Agricultura, do Programa Melhor Caminho. Eles fizeram as medições das duas estradas. Agora aguardamos a assinatura do convênio, conforme determinação do governador.

Integração – Está em construção em Tatuí um centro de hemodiálise. A prefeitura pretende utilizar estas instalações?

Maria José – Esta construção é um investimento particular. Depois de pronto e equipado, deverá ser formalizado um convênio ou contrato para a realização do serviço do SUS, como um prestador de serviço.

Integração – Como está a questão dos radares na cidade?

Maria José – Temos uma dívida com as empresas de cerca de R$ 300 mil e os radares foram desligados. Estamos realizando um estudo para poder reativar os serviços e vamos ter em breve uma Central de Monitoramento com sede na Guarda Civil Municipal.

Integração – E o monitoramento por câmeras em creche?

Maria José – Estamos concluindo o estudo dos pontos de câmeras e vamos realizar a licitação no início deste segundo semestre, entre julho e agosto.

Integração – No início de sua gestão algumas obras estavam abandonadas. Como estão agora?

Maria José – Visitei a obra da UBS do bairro Jardins de Tatuí na última semana e projetamos realizar uma licitação para podermos concluí-la. Será necessário um investimento aproximado de R$ 200 mil. A licitação deverá ocorrer no início deste segundo semestre. Com relação a UPA (Unidade de Pronto Atendimento), estamos negociando com o Ministério da Saúde um recurso de cerca de R$ 1 milhão para podermos finalizar a obra. A pré-escola do bairro Tanquinho, creche do Congonhal e a UBS do Jardim Santa Luzia são obras que estavam abandonadas ou paralisadas. Tudo leva a crer que devem ser inauguradas neste segundo semestre.

 Integração – Quais são as prioridades  para os próximos meses?

Maria José – Concluir as pontes, tapar os buracos, gerar emprego e melhorar a saúde.

 

 

 

 

Destaques da edição de 8-7-2017

julho 6, 2017 by

 

FEIRA DO DOCE MOBILIZA CONFEITEIROS DE TATUÍ

CONVÊNIOS BENEFICIAM MUNICÍPIOS DA REGIÃO

PROERD CERTIFICA 336 ALUNOS DO MUNICÍPIO

APOIO AOS NEGÓCIOS EMERGENTES – MARCOS CINTRA

DESARMONIA INSTITUCIONAL – GAUDÊNCIO TORQUATO

DESTAQUES

SONETO – DR. LINCOLN

INFORMATIVO DE COMPRAS

COLUNA GENTE (FOTOS E FATOS SOCIAIS)

NOVELAS

CANAL 1 – NOTAS DE TV POR FLÁVIO RICCO

PREFEITA DE TATUÍ FALA SOBRE SEUS SEIS MESES DE MANDATO

NOTINHAS

FALECIMENTOS

TATUÍ E SUA HISTÓRIA (JORNAL DE TATHUY – 13/3/1932)

NOTAS E NOTÍCIAS

PALAVRAS CRUZADAS

COLUNA DE ESPORTES

COLUNA POLICIAL

CEU DAS ARTES COM PROGRAMAÇÃO DE FÉRIAS

CDMCC DIVULGA VENCEDORES DE MÚSICA DE CÂMARA

CLASSIFICADOS

MATÉRIAS OFICIAIS

(Editais de Prefeitura de Tatuí, Fórum da Comarca e editais de casamentos do Cartório de Registro Civil de Tatuí).

Igreja Presbiteriana completa 129 anos

junho 29, 2017 by
IGREJA PRESBITERIANA

Reverendo João Leonel, pastor da Igreja Presbiteriana de Tatuí.

A Igreja Presbiteriana de Tatuí, situada na Rua 11 de Agosto, nº 588, está comemorando 129 anos de organização com uma programação especial de cultos durante o mês de julho. Neste domingo (2), às 19 horas, o culto será conduzido pelo reverendo João Cesário Leonel Ferreira. Dia 9, no mesmo horário, haverá culto com a celebração do reverendo Alexandre Hessel, pastor da 2ª Igreja Presbiteriana Independente de Tatuí, e participação do Quarteto Maranata.

Dia 16 de julho, às 19 horas, o culto será conduzido pelo reverendo Eduardo Emerick, da Igreja Presbiteriana de Ourinhos. Dia 23, também às 19 horas, a celebração será conduzida pelo reverendo Silas Luiz de Souza, da Igreja Presbiteriana de Americana e catedrático na Universidade Mackenzie. Dia 30, no mesmo horário, a celebração será conduzida pelo reverendo Stenio Marcius – que também é cantor – e pelo seminarista Diego Venâncio.

Um pouco de história

A Igreja Presbiteriana de Tatuí foi organizada em 29 de julho de 1888. Apontamentos do historiador Renato Ferreira de Camargo, guardados por seu filho, Christian Pereira de Camargo, indicam que o Reverendo José Zacarias de Miranda e Silva foi o organizador e primeiro pastor da igreja. Ele chegou à região em 1884, para pastorear Sorocaba (sede), sendo responsável também por evangelizar em Faxina (Itapeva), Itapetininga, Guareí, Tatuí (no Bairro do Guarapó), Torre de Pedra e Rio Feio (Porangaba). Era mineiro, de Baependi, onde nasceu em no dia 5 de novembro de 1851. Também era alfaiate e estudou com grande esforço. Formou-se professor e lecionou francês, latim, aritmética e algebra. Era músico e chegou a ser maestro de banda.

Os Bairros Guarapó e Água Branca foram as células mater da Igreja Presbiteriana de Tatuí. Foi pioneira uma família de mineiros, liderados por João Augusto Ribeiro. Seu filho, José Dionísio Ribeiro, adquiriu na época o “Hotel Brazileiro”, de Joaquim Silveira, outro pioneiro. No “Hotel Brazileiro” passaram vários missionários presbiterianos e ali era local dos primeiros cultos. Com cristãos do Guarapó e Água Branca, formou-se a “Egreja Evangélica Presbyteriana de Tatuhy”. A comissão organizadora da igreja compunha-se do Reverendo Zacarias de Miranda, relator dos trabalhos, e dos presbíteros Francisco Rodrigues Pacheco e João David Muzel.

Destaques da edição de 1-7-2017

junho 29, 2017 by

PONTE DO MARAPÉ RECEBE VIGAS E PRÉ-LAJES

FESTA DA CARIDADE ARRECADA R$ 286 MIL PARA O ASILO

IGREJA PRESBITERIANA COMPLETA 129 ANOS

RENOVAÇÃO, GOVERNO E DESENVOLVIMENTO – MARCOS CINTRA

DESTAQUES

SONETO – DR. LINCOLN

COLUNA GENTE (FOTOS E FATOS SOCIAIS)

NOVELAS

CANAL 1 – NOTAS DE TV POR FLÁVIO RICCO

PREFEITURA ABRE LICITAÇÃO PARA NOVO CENTRO DE ESPORTES

FAZENDA NOTIFICA DONOS DE VEÍCULOS COM DÉBITO EM IPVA

ELEKTRO LANÇA APLICATIVO PARA CLIENTES

PREFEITURA PRORROGA REFIS

FALECIMENTOS

TATUÍ E SUA HISTÓRIA (JORNAL DE TATHUY – 1932)

NOTAS E NOTÍCIAS

PALAVRAS CRUZADAS

COLUNA DE ESPORTES

COLUNA POLICIAL

CANTORA PREMIADA EM FESTIVAL DE MÚSICA CATÓLICA

MUSEU ABRE  EXPOSIÇÃO DE FIGURINOS DE TEATRO

CLASSIFICADOS

TATUÍ EM PROJETO PARA REGULARIZAR PROPRIEDADES

BIG BAND DO CDMCC NO MÚSICA NA PRAÇA

BISPO RESSALTA MISSÃO DOS NOVOS DIÁCONOS

PARÓQUIA SÃO LÁZARO PROMOVE FESTA SERTANEJA

INTEGRAÇÃO NAS EMPRESAS

MATÉRIAS OFICIAIS

(Editais de Prefeitura de Tatuí, Fórum da Comarca e editais de casamentos do Cartório de Registro Civil de Tatuí).

EMPREITEIRA COLOCA VIGAS E PRÉ-LAJES NA PONTE DO MARAPÉ

junho 22, 2017 by
VIGAS

Vigas serão colocadas na ponte do Marapé.

As obras da Ponte do Marapé devem avançar de forma considerável no início da próxima semana. Uma  operação logística  está prevista para o içamento de 12 vigas longarinas sobre as transversinas e cerca de 200 pré-lajes na base da ponte. Guindaste, máquinas e caminhões deverão participar desta ação. O trânsito deverá sofrer alterações na região, nas proximidades do início da Rua Capitão Lisboa. Agentes do Departamento de Mobilidade Urbana estarão no local para orientar e sinalizar o  trecho.

A Prefeitura de Tatuí trabalhou esta semana no aterro das cabeceiras da ponte. Com isso ficou possível a drenagem necessária  ao longo da Avenida Vice-Prefeito

Ponte do Marapé – A obra na Ponte do Marapé começou no dia 10 de março. A atual administração encontrou a obra abandonada desde outubro de 2016.  Para reiniciar o trabalho a atual gestão rompeu o contrato com a empresa vencedora de licitação pública. Esta não  cumpria o cronograma que estava estabelecido. A segunda colocada assumiu a obra. A Ponte do Marapé caiu dia 10 de março de 2016, após fortes chuvas e uma interdição parcial, realizada pela administração anterior. O valor da obra é de cerca de R$ 800 mil, recurso de convênio com o Governo do Estado.

As obras da Ponte do Marapé devem avançar de forma considerável no início da próxima semana. Uma  operação logística  está prevista para o içamento de 12 vigas longarinas sobre as transversinas e cerca de 200 pré-lajes na base da ponte. Guindaste, máquinas e caminhões deverão participar desta ação. O trânsito deverá sofrer alterações na região, nas proximidades do início da Rua Capitão Lisboa. Agentes do Departamento de Mobilidade Urbana estarão no local para orientar e sinalizar o  trecho.

A Prefeitura de Tatuí trabalhou esta semana no aterro das cabeceiras da ponte. Com isso ficou possível a drenagem necessária  ao longo da Avenida Vice-Prefeito

Ponte do Marapé – A obra na Ponte do Marapé começou no dia 10 de março. A atual administração encontrou a obra abandonada desde outubro de 2016.  Para reiniciar o trabalho a atual gestão rompeu o contrato com a empresa vencedora de licitação pública. Esta não  cumpria o cronograma que estava estabelecido. A segunda colocada assumiu a obra. A Ponte do Marapé caiu dia 10 de março de 2016, após fortes chuvas e uma interdição parcial, realizada pela administração anterior. O valor da obra é de cerca de R$ 800 mil, recurso de convênio com o Governo do Estado.

 

Destaques da edição de 24-6-2017

junho 22, 2017 by

NRM FISCALIZA SALÁRIOS DE MÉDICOS DA SANTA CASA

POLÍCIA MILITAR COM NOVO COMANDANTE EM TATUÍ

CANTORA DA COMUNIDADE RECADO PREMIADA RS21

EFICIÊNCIA NA INOVAÇÃO – MARCOS CINTRA

SONETO – DR. LINCOLN

DESTAQUES

JUDIOCRACIA EM EXPANSÃO – GAUDÊNCIO TORQUATO

PAT DE TATUÍ OFERECE EMPREGOS

COLUNA GENTE (FOTOS E FATOS SOCIAIS)

NOVELAS

CANAL 1 – NOTAS DE TV POR FLÁVIO RICCO

VEREADORES APROVAM REAJUSTE DE CESTA BÁSICA

EDUCAÇÃO ESCOLHE MEMBROS DO FUNDEB

REFIS DA PREFEITURA ENCERRA ESTE MÊS

PROJETO DETERMINA TEMPO DE ATENDIMENTO EM CARTÓRIOS

FALECIMENTOS

TATUÍ E SUA HISTÓRIA (3-3-1932)

ARRAIAL NA PRAÇA DO MUSEU

GRUPO TARTO APRESENTA OPERAÇÃO LUNÁTICA

MAESTRO AMERICANO MINISTRA SEMINÁRIO DE REGÊNCIA

COLUNA DE ESPORTES

AGENTES DE TRÂNSITO RECEBEM UNIFORMES

COLUNA POLICIAL

CAMPANHA ALERTA SOBRE RISCOS DE NEBLINA

JOVENS E ADULTOS PODEM CONCLUIR CURSO FUNDAMENTAL

CLASSIFICADOS

FERIADO PROLONGADO SEM VÍTIMAS FATAIS NA REGIÃO

PROJETO ISENTA IPVA PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

ELEITA NOVA COORDENADORIA DA COMISSÃO DE DIÁCONOS

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA CURSO DE ESTÉTICA CORPORAL

INTEGRAÇÃO NAS EMPRESAS

MATÉRIAS OFICIAIS

(Editais da Prefeitura de Tatuí, Fórum da Comarca e editais de casamentos do Cartório de Registro Civil de Tatuí).


%d blogueiros gostam disto: