Anúncios

UNIMED REMODELA PRAÇA PAULO SETUBAL

by
FEB tratada

Monumento à FEB será restaurado pela Unimed.

A Unimed de Tatuí assumiu a remodelação da Praça Paulo Setúbal através do projeto “Adote uma Praça”, lançado durante a gestão municipal do ex-prefeito Luiz Gonzaga Vieira de Camargo.

A intenção é transformar a “Praça do Barão” – onde estão as Escolas “Barão de Suruí” e “João Florêncio” – em local de convívio social, familiar e educativo. O projeto “Quintal do Saber – Praça Paulo Setúbal”, prevê a reforma de todos os monumentos ali existentes, deteriorados pela ação do tempo ou por ações de vândalos e pichadores, além da histórica “Rosa dos Ventos”, inscrita em pedra portuguesa no solo.

O Departamento de Marketing, representado por Binho, informa que a reforma prevê ainda o cadastramento das espécies de todas as árvores ali plantadas. Elas receberão placas com sua denominação científica. Na praça será implantada a “Arena do Quintal”, espaço onde ocorrerão saraus, cantigas de roda, shows e espetáculos ao vivo. A inauguração está prevista para o próximo dia 11 de agosto, data que Tatuí comemora seus  190 anos.

O Jornal Integração publicou em uma de suas edições a situação de abandono no qual se encontrava a Praça Paulo Setúbal, com destaque para o monumento em homenagem aos pracinhas da FEB de Tatuí e região, que lutaram na Segunda Guerra Mundial. O obelisco estava “pichado”, com a pintura deteriorada e necessitando limpeza. E foi desta forma que a cidade comemorou o “Dia da Vitória”, em 8 de maio, data que lembra a rendição das tropas de Adolf Hitler para os aliados. Este importante e histórico logradouro de Tatuí merecia maior atenção do Poder Público.

MONUMENTO À FEB

Através de uma parceria entre a Prefeitura e a Unimed de Tatuí, a Praça Paulo Setúbal, conhecida como “Praça do Barão de Suruí”, está sendo remodelada. Quem cuida dos detalhes da reforma é Cleber (Binho), do Departamento de Marketing do plano de saúde de Tatuí. Há alguns dias, ele esteve na redação do Jornal Integração para esclarecer algumas dúvidas sobre o significado do monumento à Força Expedicionária Brasileira (FEB). Estes soldados tatuianos lutaram na Itália contra o nazi-facismo que Adolf Hitler pretendia implantar no mundo. Foi considerada a guerra mais sangrenta de toda a história da humanidade.

Na edição de inauguração do monumento, na década de 1980, pelo então prefeito Wanderley Bocchi, o Jornal Integração publicou a explicação de Joaquim da Silva Campos, já falecido, sobre a concepção da obra de sua autoria.  A parte central representa um olho de ciclope fixo no firmamento, que significa a esperança de melhores dias. O olho de ciclope é da mitologia grega. Os dois elementos laterais, duas mãos saindo do solo tatuiano, com os braços abertos no sentido de oração, agradece a Deus a volta de seus filhos e suplica para que cessem as guerras e a paz venha a reinar entre os povos. Na época, a comissão formada para erigir o monumento à FEB foi formada por Ebe Gomes Protta, Erasmo Pereira Peixoto, Joaquim da Silva Campos e o 1º  sargento Ademar Castelani. Outra dúvida de Cleber era sobre o nome que antecedeu a denominação da Praça Paulo Setubal. Registros históricos que aparecem na coleção de jornais antigos do acervo do Jornal Integração revelam que a praça “do Barão”  era denominada de Epitácio Pessoa. Com a morte do escritor tatuiano Paulo de Oliveira Setúbal, em 4 de maio de 1937, este logradouro público recebeu a atual denominação.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: