Anúncios

Posts Tagged ‘vicente menezes’

Prefeitura lança publicação semanal

fevereiro 5, 2015

Foto site 7-2-2015

O Departamento de Comunicação de Prefeitura de Tatuí informa que a partir desta quinta-feira (5), a municipalidade passa a contar com uma publicação oficial semanal, com 10 mil exemplares e distribuição gratuita. Alexandre Scalise, diretor do departamento responsável pela edição do jornal, informa que “todo cidadão terá, a partir de agora, a oportunidade de conferir as leis, decretos e demais publicações oficiais, sem falar nos balancetes com receitas e despesas do Executivo, do Legislativo e também das autarquias integradas ao Poder Público, como no caso o Tatuíprev e Fundação Educacional ‘Manoel Guedes’. Além disso, serão também veiculadas matérias de interesse público”. Esclarece ainda o diretor que “a criação do Diário Oficial é uma orientação do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. Tatuí é uma das únicas cidades do Estado com mais de 100 mil habitantes que ainda não dispunha dessa ferramenta. Na região, apenas duas ou três cidades ainda não têm o seu jornal. Sorocaba tem o seu desde 1979. Itapetininga desde 2007”.

O prefeito José Manoel Correa Coelho (Manu), de acordo com a nota oficial do Departamento de Comunicação, expediu um decreto municipal no dia 4 de fevereiro, regulamentando uma lei autorizativa criando o jornal oficial, aprovada em 2012, de autoria do então vereador Vicente Menezes (PT), hoje vice-prefeito. No texto oficial Manu “lembra que com o jornal toda população terá mecanismos para acompanhar e fiscalizar de perto, passo a passo, a administração municipal. Tatuí inaugurou em 1º de janeiro de 2013 um novo modelo de gestão. Agora, ética e transparência são palavras de ordem, exercitadas no dia-a-dia como compromisso à população e seus anseios”.

Na nota explicativa, Alexandre Scalise justifica “que em 2014, foram gastos R$ 592 mil com publicações oficiais, em 2015, com o Diário, passaremos a R$ 270 mil, cumprindo também o princípio da economicidade”. No entanto, o gasto de R$ 592 mil apresentado pelo diretor de Comunicação, para justificar a impressão do novo jornal, está bem acima do valor das publicações dos atos oficiais obrigatórios nos jornais locais no ano passado. De acordo com o Portal da Transparência da Prefeitura de Tatuí, em 2014 as publicações oficiais obrigatórias da Prefeitura, em todas as publicações locais, totalizaram R$ 169.516,00, assim distribuídos: Jornal Tatuiense: R$ 9.255,00, É Notícia: R$ 47.630,00, Jornal Integração: R$ 43.791,00 e O Progresso de Tatuí: R$ 68.840,00.

No caso específico do Jornal Integração, o semanário é autorizado legalmente a publicar os atos oficiais através de licitação pública, com preços cobrados por centímetro/coluna obedecendo rigorosamente o valor licitado, como consta em todas as notas fiscais empenhadas pela Contabilidade da Prefeitura. Tudo leva a crer que esta publicação semanal da Prefeitura de Tatuí, como está definida no comunicado oficial do Departamento de Comunicação, em tese, contraria normas contratuais entre a municipalidade e a empresa jornalística Integração O Jornal do Povo Ltda.. Até o momento, este semanário – prestador de serviço e devidamente cadastrado no Setor de Compras da Prefeitura – ainda não recebeu nenhum comunicado oficial do rompimento unilateral do contrato de publicações oficiais com a municipalidade.

Nota da Redação – Débitos da Prefeitura de Tatuí com o Jornal Integração: Novembro de 2012 (publicação obrigatória de Relatório de Gestão Fiscal): R$ 2.995,20. Editais publicados sem pagamento no período de agosto a dezembro de 2014: R$ 14.137,20. Editais publicados sem pagamento de janeiro e fevereiro de 2015: R$ 6.373,30.

Anúncios

Destaques de 13 de Novembro de 2011

novembro 11, 2011

Exclusivo Online

VEREADOR DEFENDE 17 CADEIRAS NA CÂMARA MUNICIPAL

Vicente Menezes defende com veemência seu posicionamento na tribuna.

 

Na terça-feira (8), durante a palavra livre da sessão da Câmara Municipal, o vereador Vicente Menezes (PT) ocupou a tribuna e defendeu o aumento de 11 para 17 cadeiras no Poder Legislativo a partir de 1º de janeiro de 2013, conforme proposta de emenda à Lei Orgânica Municipal (LOM), aprovada pela edilidade de maneira unânime no último mês de março.

A aprovação da nova composição da Câmara de Tatuí apoiou-se na Emenda Constitucional nº 58/2009, que alterou a redação da Constituição Federal. Depois da promulgação desta Emenda, em 2010, as Câmaras Municipais ganharam o direito de adequar o número dos vereadores, de acordo com a população oficial do município, revelada no último censo demográfico oficial.

O assunto voltou a ser discutido há algumas semanas, depois da apresentação de uma nova proposta de emenda à LOM, assinada pelos vereadores José Tarcísio Ribeiro, Francisco Antonio de Souza Fernandes (Quincas), Wladmir Faustino Saporito e Oséias Rosa, pedindo a manutenção das atuais onze cadeiras na Casa de Leis, para conter o aumento de despesas e encargos que poderia acarretar a chegada de mais seis parlamentares e assessores. A proposta não chegou a ser votada e acabou retirada da pauta, mas sua apresentação recebeu a desaprovação de Vicente Menezes.

O parlamentar petista defende que o aumento do número de vereadores trará maior representatividade e independência para a Câmara Municipal na fiscalização dos atos do Poder Executivo. Além disso, Vicente diz que não haverá despesas extras, pois a Câmara não estaria sequer atingindo o percentual que lhe é destinado pelo orçamento municipal para o exercício de suas funções.

O pronunciamento durou mais de quarenta minutos e conteve várias críticas à administração municipal, que segundo Vicente, gasta muito mais com o aluguel de prédios e veículos e o pagamento de funcionários comissionados, do que a Câmara com 17 vereadores. O vereador petista pediu para que suas palavras fossem registradas na íntegra, na ata da sessão, juntamente com um artigo de sua autoria, encaminhado à imprensa, que aborda a questão do aumento do número de vereadores.

Principais notícias desta edição

ÍNDICE FIRJAN – TATUÍ ENTRE AS MELHORES DO PAÍS PARA SE VIVER

VEREADOR QUESTIONA ATRASO DE VERBAS PARA TATUÍ

COMPARAÇÕES E COMPLICAÇÕES, CRÔNICA DE J. RIGOLÃO

TATUÍ E CHINA, ARTIGO DO PREFEITO LUIZ GONZAGA VIEIRA DE CAMARGO

NATAL DA APAE, POESIA DE PAULO COSTA

VAGAS PARA AGENTES DE ESCOLTA E VIGILÂNCIA

PERFIL DO NOVO EMPREENDEDOR, POR DANIEL GOULART

DESTAQUES ECONÔMICOS, POR ANTÔNIO JOSÉ MARTINS

GENTE (FOTOS E NOTAS SOCIAIS)

NOVELAS

PALAVRAS CRUZADAS

NOTAS E NOTÍCIAS

FATOS E MITOS, ARTIGO DE VICENTE MENEZES

CANAL 1, NOTAS DE TV POR FLÁVIO RICCO

CLASSIFICADOS

PREFEITO APROVA PROJETO PARA CONSTRUIR PRÉDIO DO CEMEM

SORTEIO DEFINE ENDEREÇOS DE CASAS POPULARES DO CDHU

CONCLUÍDA OBRA DA PRIMEIRA ETAPA DO RODOANEL

PARQUE MARIA TUCA ABRE PISCINAS PARA A POPULAÇÃO

COLUNA DE ESPORTES

TATUÍ E SUA HISTÓRIA (RIDENDO 10-2-1924)

VEREADOR ANUNCIA VERBA DE R$ 500 MIL PARA SANTA CASA

FALECIMENTOS

INFORMATIZAÇÃO NA SAÚDE É DESTAQUE NA REDE TV

CÂMARA APROVA PROJETO PARA REDUZIR SUJEIRA DE CIGARRO

PROGRAMAÇÃO NO MUSEU COMEMORA DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

COLUNA POLICIAL

COBAT PEDE SERVIÇO DE HOMODIÁLISE EM TATUÍ

SUSPEITO DE LATROCÌNIO DETIDO EM RIO CLARO

INTEGRAÇÃO NAS EMPRESAS

MATÉRIAS OFICIAIS (Editais da Prefeitura de Tatuí, Fórum da Comarca e editais de casamentos do Cartório de Registro Civil de Tatuí)


%d blogueiros gostam disto: